MotorDream

Testes

Teste: JAC T6 - Trabalho pesado

05/07/2018 14:07  - Fotos: Divulgação
Envie por email

Teste: JAC T6 - Trabalho pesado

 Prevista para o Brasil em 2019, JAC que que a T6 picape seja a opção mais barata com motor diesel e tração 4X4

por Marcelo Palomino, Do autocosmos.com,
exclusivo no Brasil para Auto Press
colaborou Márcio Maio/Auto Press
 
 
Desde junho de 2016, a JAC Motors compete no popular segmento de picapes de médio porte no mercado chileno com a T6 – leva o mesmo nome do SUV vendido no Brasil. com costuma ocorrer com a marca, a maior virtude do modelo é a relação custo/benefício. Até então, ela era vendida exclusivamente com motor a gasolina e tração dianteira. Até que no ano passado, o mercado chileno recebeu também variantes 4X2 e 4X4 com propulsor turbodiesel. E é justamente com esse trem de força que a marca pretende vendê-la no Brasil, com outro nome, para concorrer com as picapes médias em suas versões de entrada. Isso porque, no ano passado, a ideia era chegar em 2019 com ao utilitário com caçamba custando por volta de R$ 100 mil, já com motor diesel e tração integral. A instabilidade do dólar, no entanto, empurrou os planos para o próximo ano. 
 
A picape mede 5,31 metros de comprimento, 1,83 m de largura e 1,81 m de altura. No Chile ela carrega até 820 quilos, mas no Brasil teria de crescer esta capacidade para, pelo menos, uma tonelada para poder usar propulsor diesel na versão 4X2. O modelo tem 207 mm de espaço livre do chão e seus ângulos de ataque e de saída são de 29,6° e 22,4°, respectivamente. Entre os elementos estéticos e funcionais, aparecem soleiras laterais, rodas de 17 polegadas com pneus 245/65 R17 e santantônio. 
 
O motor é um turbodiesel 2.0 litros que rende 134 cv de potência e 32,6 kgfm de torque máximo já entre 1.600 e 2.600 rpm. A transmissão é manual de seis velocidades, com sistema de AWD que oferece três modos de operação possíveis: tração dianteira, integral e integral com reduzida. De acordo com JAC, o modelo faz 11 km/l de diesel na cidade e 12,2 km/l no ciclo combinado, ou seja, em percurso que envolva cidade e estrada. 
 
Em termos de segurança, a T6 picape é bem econômica: traz apenas dois airbags dianteiros, freios ABS com EBD, faróis de neblina e sensores de estacionamento traseiros como itens de série. Há ainda câmara de ré, transmitida pela central multimídia com tela sensível ao toque e conectividade com o Apple CarPlay e o Android Auto. O equipamento permite que se façam downloads de aplicativos diretamente para o sistema, como o Spotify, de streaming de música, e o Waze, de navegação em tempo real. Um nível de conectividade que nem sempre está no foco das fabricantes de picapes.
 
Primeiras impressões
Pouco refinada

Santiago/Chile – O motor da JAC T6 picape não é silencioso. Porém, também não se trata de um propulsor insuportavelmente barulhento. Ele também não transmite vibrações ao volante, o que melhora bastante a experiência de condução. Na transmissão, a primeira marcha é extremamente curta para uso normal na cidade e a picape se move muito rapidamente sem que seja necessário acelerar muito. Mas convém ressaltar: a transmissão manual dá uma imagem mais profissional ao modelo e menos familiar. 
 
E na terceira marcha que o motorista consegue se movimentar com mais parcimônia. Em 120 km/h, na estrada, o conta-giros marca 2.750 rpm, faixa de rotação bastante similar à de outras picapes deste segmento. Mas há muito torque em rotações baixas e isso é muito bom para um modelo que pode ser submetido a algumas inesperadas condições de condução e trabalho. 
 

TRÂNSITO LIVRE

todos

Comentários

Não há comentários para este artigo.

Para postar comentários é necessário ser cadastrado no nosso site. Deseja se cadastrar gratuitamente?

Motor Dream
MotorDream - Rua Barão do Flamengo, 32 - 5º Andar - Flamengo
Rio de Janeiro - RJ - Cep: 22220-080
Telefone: (21) 2286-0020 - Fax: (21) 2286-1555

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados.
GEO: -22.932985, -43.176320
Webroom Soluções Interativas